Como aprender a cozinhar em 5 passos

como aprender a cozinhar

como aprender a cozinhar

Cozinhar é um ato de amor e dedicação. Preparar refeições para a família, jantares e almoços especiais, ou simplesmente garantir a alimentação da garotada, parece fácil… mas na verdade nem sempre é. Aprender a cozinhar é algo que para muitos ainda é um sonho.

Dizem que é preciso ter o dom, que cozinhar é uma arte, e de fato é, mas para quem tem força de vontade e quer muito aprender alguma coisa, nenhum obstáculo é grande demais.

O cenário mudou

Por algum tempo as pessoas perderam um pouco o interesse pela cozinha. Com a chegada da vida moderna, e as pessoas ficando cada vez mais fora de casa e focadas na vida profissional, aprender a cozinhar passou a ser algo quase que “obsoleto”, dando espaço para as comidas ultra processadas, embaladas, fast foods e tantas outras opções que só fizeram mal à nossa saúde.

Mas ainda bem que isso está mudando, tanto homens como mulheres estão ficando mais interessados em manusear um fogão, conhecer alimentos, temperos, técnicas. Não é a toa que existe o Mania de Cozinha 😁 e tantos outros milhares de blogs que fazem do mundo da gastronomia algo acessível e compartilhável, sem contar nos inúmeros programas de TV, redes sociais, todos eles enfatizando que a cozinha é o coração da casa.

Aprender a cozinhar é bom, é terapêutico, saudável, sem contar que reunir amigos e familiares ao redor da mesa de vez em quando, supera qualquer dificuldade que possamos ter ao preparar determinada refeição.

Facilitando as coisas

Para ajudar quem está inclinado a começar ou pelo menos, e melhorar sua jornada na cozinha, preparamos algumas dicas que vão funcionar muito bem para você, elas são simples e diretas, e tem como objetivo te mostrar que cozinhar não tem nada de complicado, basta apenas um pouco de dedicação aos detalhes e constância na cozinha.

Anote e siga os passos 😉

Como aprender a cozinhar em 5 passos

1 – Organize-se com antecedência

Antes de iniciar qualquer preparação é fundamental que você organize os ingredientes e os utensílios que irá utilizar, para não perder o “time” da receita, ou então começar uma receita e lá pelas tantas se dar conta que não tem determinado ingrediente na despensa, já pensou que desastre?? Tudo bem, às vezes dá para improvisar, mas nem sempre! Imagine estar fazendo um bolo e de repente se dar conta que não tem fermento químico?? Já dificulta bastante as coisas…Então:

  • Leia com a atenção a receita, confira se você tem na despensa todos os ingredientes antes de iniciar;
  • Veja quais utensílios serão necessários (fouet, bowl, copo de medição, tábua de corte, facas, fôrmas, travessas, etc);
  • Se for assado, ligue o forno e programe de acordo com o tempo da receita;
  • Disponha sobre a bancada de sua cozinha todos os ingredientes e utensílios;

Agora é só começar!

2 – Pesquise

Faça uma pesquisa antes, veja as várias alternativas de executar a mesma receita que a internet tem disponível hoje em dia. Isso ajuda muito, principalmente para os iniciantes, ou para quem tem pouco tempo e quer encontrar formas “simplificadas” de cozinhar, pois o mesmo prato pode ter várias “interpretações” por assim dizer. Então gaste um tempo conhecendo as opções, conhecendo os ingredientes, estudando as inúmeras possibilidades.

3 – Comece pelo básico

De nada adianta você idealizar fazer uma preparação super elaborada, sem ter o mínimo de conhecimento sobre as técnicas básicas para executar aquela receita. Sim, você pode e deve se arriscar de vez em quando, mas pensando no dia-a-dia e em evitar desperdícios, nosso conselho é: comece tentando resolver suas dificuldades.

Por exemplo, se você não consegue acertar o arroz do dia a dia, pra que pular para o risoto??

Primeiro, dedique-se a fazer o melhor arroz da sua vida, fique íntimo do ingrediente, depois arrisque-se em um risoto bem gostoso.

4 – Siga a receita

Por mais simples que pareça essa dica, pode ter certeza, ela é uma das mais importantes. É que quando estamos cozinhando, às vezes bate aquela pressa de acabar logo e pular pra fase de servir, não é mesmo? 🙂 Então, não deixe esse impulso te seduzir, não pule as fases, siga a receita direitinho, respeitando quantidades, tempo de cocção, tipos de ingredientes, dicas, etc…

Principalmente quando o assunto é confeitaria, pode crer, a matemática é exata, mudar, diminuir ou excluir algum ingrediente, pode significar o fracasso de toda sua receita.

5 – Não desista

Só porque o primeiro bolo que você fez solou, não quer dizer que vai ser sempre assim! Lembre-se, a repetição nos leva ao aperfeiçoamento, quanto mais você executar determinada receita, mais noção terá do que se faz necessário para acertar numa próxima tentativa.

Cada cozinha, cada forno e fogão se comportam de forma diferente, por isso, a sua cozinha é o seu território de erros e acertos, e se você for frequente em desbravar esse lugar de aromas e sabores, certamente irá se surpreender com o resultado.

Cozinhar é amar

A comida caseira é mais do que necessidade da rotina, é legado e amor!

Então comece sem medo, aprender a cozinhar vai te levar a experiências maravilhosas.

👍 Gostou dessas dicas? Então compartilhe com quem você sabe que precisa de uma ajudinha.

 

Leia também: “Alimentos que fortalecem a imunidade, top 10”. Clique AQUI.

Deixe seu Comentário